• Cássio Ramos

O Futuro do Trabalho com a Inteligência Artificial e Análise de Dados

Uma pergunta recorrente em apresentações que realizamos sobre análise de dados ligada aos negócios é:

A resposta não é fácil, mas o que a gente sabe é que a evolução da I.A. e sua aplicabilidade no dia a dia das pessoas e das empresas anda a passos largos, o que no passado demorava décadas para acontecer, hoje pode acontecer em anos ou meses até. A velocidade da mudança está relacionada a evolução da tecnologia e a ampliação da sua aplicabilidade e uso pelas pessoas. As questões de desenvolvimento de sistemas também são muito importantes, pois atualmente, ficou muito fácil desenvolver um novo sistema ou um aplicativo que pode impactar em seu emprego ou na forma como você trabalha.


Voltando para a pergunta base, tem um diagrama desenvolvido pelo pessoal da Aerolito que pode ajudar de forma definitiva essa análise, e ele é dividido em dois pontos:

Quando a gente pensa em atividades que a gente desempenha em nosso trabalho, podemos então dividir elas nesses dois tópicos e entender melhor o que tem mais chance de ser automatizado. Ou você gosta de tudo o que precisa executar no seu dia-a-dia? 😉

Para identificar o que é passível de automação, ou ainda de ser executando total ou parcialmente por robôs ou pela I.A. você deve fazer sempre duas perguntas para cada tópico:

  • Interesse:

  1. Que atividades eu quero fazer?

  2. Que atividades eu não quero fazer?

  • Capacidade:

  1. Que atividades eu consigo fazer?

  2. Que atividades eu não consigo fazer?

Aí a análise ficaria assim:

Essa análise mostra que o foco agora são atividades que ou não queremos fazer ou não conseguimos fazer, então, se o seu trabalho se encaixa em algum desses pontos, aí sim pode ser automatizado por robôs.


É importante lembrar que o foco da evolução de I.A, diferentemente do que algumas pessoas acham, não é extinguir empregos pura e simplesmente, mas sim eliminar atividades que geram riscos, repetitivas que não agregam valor as pessoas, ou ainda, onde nossa eficiência é muito baixa.

Um exemplo claro é o estudo de análise de imagens para diagnosticar câncer. Foram escolhidos 15 médicos especialistas para analisar 225 casos de tumores cerebrais contra uma máquina com I.A., e o resultado foi o seguinte:

  • 15 médicos, 66% assertividade em 30 minutos para analisar;

  • 01 Biomind, 87% assertividade em 15 min de análise.

Este é um caso clássico onde nós humanos conseguimos, mas não queremos e a máquina é muito mais eficiente e mais rápida. Mas, porque não queremos?

Porquê podemos ser muito melhores estudando as formas de tratamento para cada paciente, acompanhá-los do que ficar simplesmente identificando a doença em radiografias. Assim, o foco fica em atividades que exigem análise de decisão e não em atividades mecânicas, repetitivas e que agregam pouco.


Nós aqui da Lemon go, costumamos ver isso em nossos clientes. Alguns estão tão acostumados a passar dias preenchendo e organizando planilhas, que esquecem do que é mais importante: Fazer análises e tomar decisões. É muito normal isso, pois, em um passado recente o trabalho estava 100% ligado a atividades manuais, executar coisas e não em pensar e analisar. Uma cultura muito ligada as indústrias dos anos 60, 70 e 80 e que hoje em poucos anos mudou completamente pela automação das atividades e pelos volumes de dados disponíveis.


Se a gente parar para analisar, muitas pessoas já estão automatizadas e não perceberam isso ainda.

  • Atividades repetitivas;

  • Que agregam muito pouco ao processo como um todo;

  • O foco são horas trabalhadas e não produtividade.


A evolução tecnológica ao longo do tempo, e principalmente agora, utilizando robôs e I.A. tem sim melhorado significativamente a vida das pessoas, reduzido a pobreza, melhorado a educação e mais centenas de aspectos da vida das pessoas. Embora em nossa primeira avaliação a impressão seja sempre de redução dos empregos causadas pela I.A. e inteligência de dados, quando olhamos mais a fundo percebemos que a melhora dos empregos é o que realmente está ocorrendo, eliminando atividades repetitivas, chatas e perigosas, e deixando atividades que usem de verdade nosso intelecto e potencial criativo.


Quer saber mais de como a Análise de Dados e a I.A. podem ajudar seu negócio a sair na frente? Fale com a Lemon go!

55 visualizações

Posts recentes

Ver tudo